Sebastião Nogueira
FOTO_H_2-B_WEB
Servidores aguardam para cadastrar senha e cartão que dão acesso aos novos empréstimos

Uma semana após a retomada das operações de crédito consignado para servidores municipais, cerca de 3,5 mil funcionários da Prefeitura de Goiânia já foram atendidos para o cadastramento da senha e do cartão que dá acesso a novos empréstimos. Após um início tumultuado na semana passada, devido ao grande fluxo de servidores que procuravam atendimento no Paço Municipal (único local até agora disponível para o procedimento), as senhas começaram a ser fornecidas com horário marcado. Mas como a procura ainda é intensa, é preciso chegar pela manhã para conseguir ser encaixado no horário limite (entre 8 e 18 horas).

Outras duas unidades passarão a atender a demanda de cadastramento de consignados, mas nenhuma começou a operar nesta semana, como havia prometido o secretário de Gestão de Pessoas, Iran Saraiva Júnior, na última sexta-feira. O funcionamento da Central de Atendimento do Setor Sul, próximo à Praça Cívica, será iniciado na segunda-feira, dia 27. Não há confirmação da data de início de operação da outra unidade, que deve ser instalada na sede da Companhia de Urbanização de Goiânia (Comurg).

A central do Setor Sul terá capacidade para receber 500 servidores por dia. No Paço, essa também é a média diária de atendimento, a cargo da Expresso Card, empresa responsável pela gestão de consignação no serviço público municipal. Com a nova unidade, o tempo de espera deve ser bastante reduzido e as reclamações, resolvidas, avalia o assessor-chefe de Planejamento, Qualidade e Controle da Secretaria Municipal de Gestão de Pessoas (Semgep), Rafael Olinto Meirelles.

“Como o consignado ficou suspenso por 11 meses, a procura tem sido grande nesses primeiros dias. Mas, se o servidor não tiver urgência do empréstimo, não precisa correr para cadastrar a senha do cartão. Não há limite de prazo para isso. Ele pode deixar para quando precisar”, pondera. Os funcionários que quiserem se inteirar das condições de operações podem acessar o Portal Consignação na internet.

Pelo site, é possível obter informações sobre o valor da margem de crédito e o limite disponível, taxas de juros efetivas totais (CET) de cada banco e até fazer simulação de empréstimo. Agora, a CET cobrada pelas instituições não pode ultrapassar o teto do Ministério da Previdência Social – hoje de 2,14%, para crédito consignado, e de 3,06%, para o cartão de crédito.

Até agora, dois bancos estão aptos a operar o crédito consignado aos servidores: BGN e Panamericano (que até segunda-feira não tinha aberto o processo de novos contratos). Banco Original e Financeira Alfa também já assinaram convênio com a Prefeitura e devem iniciar em breve. O assessor da Semgep informa que a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil também já atendem os requisitos operacionais exigidos, mas ainda não assinaram o convênio, o que pode ser feito a qualquer momento.

As novas contratações de consignado ficaram suspensas por 11 meses. A medida da prefeitura visava impedir o superendividamento de servidores. Na época, 80% deles (cerca de 40 mil) tinham empréstimos e quase metade estaria com 30% da renda comprometida.

PACIÊNCIA

O horário de maior movimento na área de espera para recadastrar a senha do cartão de crédito consignado dos funcionários municipais é pela manhã. Mesmo assim, a longa espera e a distância para chegar ao Paço deixam muitos servidores impacientes também à tarde. Uma das pessoas que estavam ontem no local, que não quis ser identificada, reclamava da forma como o atendimento ocorre. “É um abuso! Quase um ano sem consignado e quando retomam é esta burocracia.”

Outra servidora da Educação, que também não quis ter o nome divulgado, havia tentado atendimento no Paço na segunda-feira, mas como foi à tarde, não conseguiu senha. Voltou ontem e teve de esperar até 16h40. Ela diz que já utilizou o crédito consignado várias vezes, para pagar contas, comprar carro e por motivo de doença.

Onde se cadastrar 

Unidades

Park Lozandes – Paço Municipal, na Avenida do Cerrado, nº 999 – Bloco C, 2º andar
Setor Sul – Avenida 85, nº 101, salas 1, 2 e 3 (a partir de segunda, dia 27)

Funcionamento

De segunda a sexta-feiras, das 8h às 18h

Documentos

Um documento de identificação com foto (RG ou CNH)
Comprovante de endereço

Mais informações

Pelo site www.consignacaogoiania.com.br
Pelo telefone 3524-4096

 

Fonte: Opopular